ÚLTIMAS NOTÍCIAS > Gabinete da Prefeita

Paula acompanha ação de assistência social no Cras Três Vendas

Procura cresceu durante pandemia, principalmente para orientações sobre o Auxílio Emergencial da União e os alimentos doados

Por Paulo Ienczak 30-04-2020 | 15:00:46

No início da tarde desta quinta-feira (30), a prefeita Paula Mascarenhas foi até o Centro de Referência de Assistência Social (Cras) Três Vendas 1, na rua 15 do Pestano, para acompanhar o trabalho da equipe. Com a pandemia da Covid-19, que impacta tanto na esfera da saúde quanto no âmbito socioeconômico, o serviço registra aumento da procura, principalmente para orientações sobre o Auxílio Emergencial do governo federal, e busca dos alimentos doados. São mais de 7 mil famílias cadastradas, de todos os bairros e loteamentos da região das Três Vendas.

Centro auxilia porque parte da comunidade não tem acesso à internet ou smartphone – Fotos: Rodrigo Chagas.
“O trabalho da assistência social é fundamental, tanto quanto o da saúde, para o enfrentamento da pandemia causada pelo novo coronavírus”, ressaltou a prefeita. 

Coordenadora do Cras Três Vendas 1 e assistente social, Josiane Kuter Ieque explica que, nos primeiros dias de cadastro para recebimento desse benefício concedido pela União, a comunidade, procurando informações, pediu ajuda ao Cras. “Muitas pessoas não têm acesso à internet, ficam com dúvidas sobre a realização do cadastro, ou não possuem um celular smartphone, então a nossa equipe procura dar suporte nesse sentido”, conta. 

A procura por cestas básicas de gêneros alimentícios triplicou com a pandemia, sobretudo porque muitos moradores da região são trabalhadores autônomos. “Diaristas, pintores, pessoal que trabalha com capina e até mesmo coletores de materiais recicláveis estão com dificuldades para obter renda nesse momento, e passaram a buscar o Centro”, justificou Josiane.

Os itens que compõem a cesta básica são adquiridos com recursos próprios da Prefeitura e, com a crise sanitária atual, gerada pelo vírus, muitos cidadãos e empresários vêm doando produtos e ranchos para a Secretaria de Assistência Social (SAS). 

“Precisamos cadastrar essas pessoas que estão procurando por auxílio agora, e que ainda não eram usuárias dos Cras, para que a Assistência Social continue a acompanhar e dar apoio a essas famílias”, complementou Paula. 

Para garantir que os alimentos cheguem a quem mais necessita, a Secretaria passou a efetuar mobilizações ou ações coletivas de cooperação mútua, nos bairros mais afastados, com a meta de que representantes das famílias não tenham de se deslocar ao Centro de Referência ou à sede da pasta municipal. “Estamos nos organizando para fazer os mutirões semanalmente, a partir da identificação das comunidades com mais necessidades no município”, disse o secretário de Assistência Social de Pelotas, Márcio Sedrez.

O atendimento no Cras Três Vendas 1 é de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h, ou pelo telefone (53) 3281-1292. Todos que chegam são orientados a aguardar em frente ao local, pois a sala de atendimento opera, no máximo, com quatro pessoas, para manter o distanciamento seguro de cada um. Álcool em gel fica à disposição, e uma remessa de máscaras-reserva está disponível aos usuários que não disponham do material de proteção e precisem acessar o prédio.

Confira as fotos da reportagem no Flickr da Prefeitura.

Não caia em fake news

Leia as notícias oficiais, sobre o novo coronavírus e outros assuntos de interesse público, no hotsithotsite e nas redes sociais da Prefeitura de Pelotas: Facebook, Instagram @prefeituradepelotas, Twitter @PrefPelotas e canal WhatsPel.

Tags

cras três vendas 1, prefeita paula mascarenhas, pandemia, novo coronavírus, acompanhamento do trabalho, pestano, famílias cadastradas

Carregando 0%