ÚLTIMAS NOTÍCIAS > Coronavírus

Assistente virtual da Prefeitura atende quase 600 pessoas

Em uma segunda fase do serviço, a "Dra. Vida" será capaz de notificar à Central de Teleconsulta casos de moradores que apresentaram síndromes gripais

Por Alessandra Senna 12-05-2020 | 10:54:19

Criado para auxiliar no atendimento à população, após as primeiras notificações positivas de moradores de Pelotas para Covid-19, o robô virtual, batizado de "Dra. Vida" se tornou um dos canais oficiais mais procurados para esclarecer dúvidas sobre a pandemia. Em cerca de 40 dias de funcionamento, o chatbot já registrou quase 600 acessos e agora está sendo preparado para, também, alertar a Central de Teleconsulta sobre possíveis casos de moradores infectados pelo Sars-CoV-2.

De acordo com o diretor da Companhia de Informática de Pelotas (Coinpel), Cristian Kuster, do dia sete de abril a sete de maio 262 pessoas entraram em contato com o robô. 

" Isso significa que o chatbot está cumprindo seu papel de evitar congestionamento nas ligações para a Central de Teleconsulta e auxiliar a população que sente necessidade de esclarecer dúvidas sobre o novo coronavírus", explica Kuster.

O atendimento virtual é realizado através de um questionário em que o cidadão deve responder apenas "sim" ou " não", o que torna o contato simples e ágil.

Veja mais:

+População procura assistente virtual do hotsite da Prefeitura para esclarecer dúvidas sobre o coronavírus

Atendimento virtual pode ser acessado no hotsite da Prefeitura - Foto: Divulgação/Ascom

Dados

Um levantamento feito pela empresa AVMB, parceira da Coinpel na prestação do serviço virtual, apontou um total de 5.782 interações com. "Dra. Vida", ou seja,
a quantidade referente ao número de respostas dadas ao sistema até agora. Desse total, 91,98% das pessoas permanecem no chatbot até o fim, respondendo todo o questionário.

Segundo os dados de acesso, das 262 pessoas que contataram o atendimento, durante os últimos 30 dias, 38 disseram apresentar sintomas de risco relacionados a síndromes gripais e, desse total, 32 foram classificadas como risco elevado de terem sido infectadas pelo vírus causador da Covid-19.

Também foi possível determinar, pelo sistema de geolocalização, que moradores de quase todos os bairros de Pelotas procuraram o chatbot. "Temos registros de acessos do Areal, Fragata, Centro, Três Vendas, enfim, interação de quase toda a cidade com a Dra. Vida", salienta o diretor.

Segunda Fase

A partir deste mês, a Coinpel irá implementar um novo serviço no atendimento virtual hospedado no hotsite da Prefeitura dedicado às informações relativas a propagação da pandemia em Pelotas. 

Todas as pessoas, ao entrar em contato com a "Dra. Vida" deverão informar o telefone. Esse dado só será utilizado, explica Cristian Kuster, em caso de constatação de que o cidadão apresenta alto risco de ter o coronavírus. " O sistema irá disparar um e-mail para a Central de Teleconsulta para que a pessoa seja contatada e monitorada pela Secretaria Municipal de Saúde", esclarece o diretor da Coinpel. 

Hoje, todos os dados coletados pelo serviço virtual são informados à epidemiologia local, assim como ao Comitê de Crise responsável pelas ações de enfrentamento à pandemia.

Tags

saúde, coronavírus, Coinpel, chatbot, assistente virtual

Carregando 0%