ÚLTIMAS NOTÍCIAS > Desenvolvimento, Turismo e Inovação

Quinzena aproxima os Doces de Pelotas do público

Banca com os tradicionais doces da cidade fica no calçadão até o próximo dia 17

Por César Soares 10-09-2021 | 16:19:59

Quem passa pelo calçadão, entre as ruas Marechal Floriano e Sete de Setembro, dificilmente não percebe o colorido e a variedade dos tradicionais doces pelotenses dispostos em uma banca instalada no coração da área central. A iniciativa integra a segunda edição, deste ano, da Quinzena do Doce, organizada pela prefeitura de Pelotas, associação dos produtores de doces de Pelotas e Sebrae para estimular o segmento e o consumo do produto, até o dia 17 deste mês.

Quindim está entre os doces mais vendidos. Fotos: Michel Corvello.

A proposta lançada para superar parte dos impactos provocados pela pandemia e aproximar o doce do pelotense e de visitantes da cidade, tem dado certo e atraído centenas de pessoas diariamente. Desde o começo desta segunda ação, na semana passada, quatro mil doces já foram comercializados, com destaque para o quindim e o bombom de morango que lideram as vendas. A expectativa da Associação dos Produtores de Doces de Pelotas é de, ao menos, atingir a marca da edição realizada em julho, quando foram comercializados mais de 14 mil doces.

"Como não temos Fenadoce há dois anos, essa Quinzena é importante não apenas para nós doceiras, mas para a população que busca um doce de qualidade e procedência. E com certeza é uma grande oportunidade de vendas do nosso produto", disse a presidente da Associação, Simone Bica.  

A Quinzena conta com o apoio da prefeitura, por meio da Secretaria de Desenvolvimento, Turismo e Inovação (SDETI) que auxilia na viabilização da estrutura. De acordo com o titular da pasta, o secretário Gilmar Bazanella, a ideia é a de alavancar os negócios, mas também aproximar o produto da população. "Essa ação da Quinzena também é importante porque levando o doce para o calçadão permite que todos tenham acesso ao produto, faz com que mais pessoas possam consumir", destacou.

Público tem aproveitado o espaço. Fotos: Michel Corvello. 

Oportunidade facilitada

Para a bióloga, Bruna Martinato, cliente assídua dos Doces de Pelotas, o espaço facilitou bastante. "Como não teve Fenadoce, dou uma passadinha aqui pra levar alguns pra casa, principalmente quindim que é o meu preferido", comentou.

Uma trouxinha de Nozes, foi a opção de sobremesa da aposentada Rute Souza, "saímos do almoço agora e viemos aqui saborear um docinho e prestigiar o nosso doce porque é muito gostoso e aqui neste ponto ficou bem mais prático".

A Quinzena do Doce

A ação, criada no ano passado, foi repetida esse ano durante a Semana de Pelotas e agora chega a mais uma realização. Na banca localizada, quase em frente da Galeria Central, 13 doceiras se revezam na comercialização de 14 variedades dos tradicionais doces pelotenses à base de ovos e que contam com o selo de indicação geográfica, além de outras opções derivadas com combinações de chocolate. O atendimento no local é das 9h às 19h, inclusive no sábado e no domingo até a próxima sexta-feira. 17 de setembro.

Tags

Quinzena do Doce, Calçadão, doces de Pelotas

Carregando 0%