Dicas do Procon para as compras de Natal
O final do ano é uma época de festas, comemorações, e também, tradicionalmente, muitas compras. A falta de tempo muitas vezes nos tira a atenção para cuidados importantes na hora da compra. Abaixo algumas orientações do Procon.

1. Consumo consciente: consuma o que realmente é necessário ao atendimento das nossas necessidades. Evite o endividamento.

2. Pesquise os preços e as condições de pagamento, definindo o limite de gastos de acordo com seu orçamento.

3. Antecipe-se às compras de última hora. Desta forma é possível pesquisar preços, promoções e encontrar produtos de qualidade.

4. Exija sempre a nota fiscal ou cupom fiscal nas compras e guarde esse comprovante. Para usar a garantia você precisará apresentar a nota de compra.

5. Verifique as condições do produto. Exija manual de funcionamento ou termo de garantia. Faça um teste antes de efetuar a compra. Se o produto for entregue pela loja, antes de assinar a nota de recebimento, veja se está em condições.

6. Informe-se sobre a garantia e as condições de troca. Se não houver defeito, observe se a nota fiscal ou etiqueta informam sobre troca e prazo.

7. Peça informações claras sobre produtos e serviços, condições de pagamento à vista e a prazo (juros, encargos, número de prestações). Solicite o cumprimento das ofertas e leve os anúncios.

8. Na compra de brinquedos, para garantir a segurança, leve em consideração a idade da criança e verifique o selo do INMETRO. Leia as informações das embalagens.

9. Desconfie de ofertas milagrosas e ganhos fora do comum, pois o produto pode envolver falsificação, roubo, sonegação de impostos ou estelionato.

10. As lojas não são obrigadas a efetuar troca de produtos apenas pelo descontentamento do cliente. O único caso que a lei prevê é os 7 dias para troca em compras não presenciais (internet, catálogo...). Mas se a loja estabelece que troca produtos em 7 dias deve cumprir.

10. Produto com defeito (a lei utiliza a palavra vício), dentro da garantia, deve ser encaminhado para a assistência e consertado em 30 dias. Apenas após o prazo o consumidor pode exigir troca ou cancelamento do negócio.

11. Nas compras pela internet, procure lojas previamente conhecidas ou indicadas por amigos e parentes, além de pesquisar sobre sua idoneidade nos órgãos de defesa do consumidor e em sites especializados nos quais outros usuários fazem comentários sobre as empresas.
Telefonia celular Atraso do Pagamento – Bloqueio da Linha -
Com base em autorização da Anatel, as operadoras de telefonia celular adotam os seguintes procedimentos no atraso de pagamento das contas:

- 15 dias após o vencimento: bloqueio parcial da linha. O consumidor só recebe ligações;

- 30 dias após o vencimento: suspensão total da linha. Telefone não faz nem recebe ligações;

- 45 dias após o vencimento: a linha é desativada.

O consumidor deve contestar valores que não reconhece.

NOTA FISCAL
Nota fiscal: sinônimo de segurança.
O documento é prova de relação de consumo e garantia contra problemas futuros.Exija SEMPRE a sua.



 

 















 

Mural 
15/2/2007
Molhos de tomate oferecem perigo à saúde.
6/2/2007
Documentos necessários para registrar reclamações no PROCON.
6/2/2007
Melhor maneira de comprar material escolar