ÚLTIMAS NOTÍCIAS > Coronavírus

Prêmio Reconhecimento da Cultura Pelotense ganha incremento de valores

O projeto ampliou valores e o número de trabalhadores da cultura beneficiados Pelotas. Também foram anunciadas as entidades, artistas e movimentos culturais contemplados pela Lei Aldir Blanc

Por Alessandra Meirelles – MTb/RS 10052 06-12-2020 | 11:24:18

Na mesma semana em que foi publicado o resultado da distribuição de mais de R$ 2,15 milhões, provenientes da Lei Aldir Blanc - que beneficiou espaços culturais, comunidades indígenas e quilombolas, assim como centros e agentes culturais do Município, a Prefeitura anunciou, na sexta-feira (4), o resultado do Prêmio de Reconhecimento da Cultura Pelotense. A premiação deste ano vai beneficiar 235 trabalhadores e teve uma complementação nos valores na segunda chamada do Edital.

Veja mais

+ Decreto 6.325/2020 é assinado e regulamenta Lei Aldir Blanc

No Diário Oficial dos Municípios de sexta-feira (4) consta a primeira chamada dos contemplados e dos não validados e desclassificados do Movimento – Prêmio de Reconhecimento da Cultura Pelotense, com recursos da Lei Aldir Blanc. Na mesma edição, foi divulgada a complementação do Edital, que teve aumento dos valores disponíveis e abriu a segunda chamada, passando o total para mais de R$ 869 mil. O prêmio líquido individual é de R$ 3,5 mil. Com o acréscimo no número de vagas, os contemplados passam de 200 para até 235 trabalhadores, divididos em três categorias – povos e comunidades tradicionais; trajetória cultural; e fazer cultural, produção, manutenção, pesquisa, criação e formação dos profissionais da cultura.

Nova oportunidade

Os trabalhadores da cultura, que ficaram na lista de não válidos ou desclassificados, podem apresentar, entre segunda-feira (7) e sexta-feira (11), os documentos que os impediram de concorrer. Interessados que não participaram da primeira seleção também estão aptos à inscrição, na mesma data, exclusivamente pelo e-mail premiomovimento.pelotas@gmail.com.  

Lei Aldir Blanc

A prefeita Paula Mascarenhas destaca que, além do Prêmio de Reconhecimento da Cultura Pelotense, foi publicado o Edital com resultado das duas chamadas da Lei Aldir Blanc nesta semana Foram contemplados 75 espaços culturais, com recursos entre R$ 9 mil e R$ 21 mil, como as quatro comunidades quilombolas, Kaingang e Guarani, entidades carnavalescas, CTGs, terreiras, coletivos de capoeira, Bibliotheca, Guarany, Charqueada São João e artesanato do Mercado. 

"Ficou muito bem equilibrada e abrangente a distribuição. Conseguimos o alcance que almejávamos e dos R$ 2,15 milhões, ficamos apenas com o saldo de R$ 85 mil e optamos por reabrir o Movimento. É importante destacar que esses recursos começam a circular na economia da cidade na próxima semana”, diz a prefeita. 

O secretário de Cultura, Giorgio Ronna, credita o resultado positivo ao processo participativo, à construção coletiva envolvendo todos os territórios e segmentos culturais de Pelotas, como representantes do Conselho de Cultura e outros vinculados à Secretaria, como o da Comunidade Negra e diversos grupos de trabalho, a exemplo da Comissão da Lei Aldir Blanc. “É um ótimo panorama do fazer cultural da nossa cidade, por ter envolvido artes, artesanato, moda, CTGs, movimento negro, indígena, quilombolas, espaços e coletivos culturais”, avalia.

Os editais podem ser conferidos nos links abaixo ou na sede da Secretaria de Cultura (Secult), na Praça Coronel Pedro Osório, 2. Outras informações a respeito do edital podem ser obtidas pelo telefone (53) 3225-8355, de segunda a sexta-feira, das 8h30min às 14h, ou pelo e-mail do prêmio. 

Confira os editais

Lista de contemplados

Extrato de segunda chamada - edital 004/2020

  

Leia as notícias oficiais, sobre o novo coronavírus e outros assuntos de interesse público, no hotsite e nas redes sociais da Prefeitura de Pelotas: Facebook, Instagram @prefeituradepelotas, Twitter @PrefPelotas e canal WhatsPel.

Tags

aldir blanc, cultura pelotense, lei, cultura, primeira chamada, coronavírus, pandemia

Carregando 0%