ÚLTIMAS NOTÍCIAS > Coronavírus

Prefeitura prepara retomada de procedimentos médicos

A partir da próxima semana, devem ser autorizados, em 50%, exames, consultas ambulatoriais e cirurgias eletivas

Por Alessandra Senna 04-09-2020 | 17:01:12

Depois de quatro meses suspensos, como forma de prevenir e controlar o coronavírus, os procedimentos médicos eletivos devem ser retomados em Pelotas na próxima semana. A Prefeitura irá autorizar, através de Decreto Municipal, a realização de 50% de exames, consultas ambulatoriais e cirurgias eletivas.

De acordo com a secretaria de Saúde, Roberta Paganini, existem critérios para a retomada dos atendimentos que devem ser seguidos pelas unidades ambulatoriais e hospitalares:

  •  - para fins de cálculo, a produção a ser considerada é a do último semestre de 2019;
  •  - as consultas ambulatoriais a serem produzidas devem considerar aqueles pacientes que não sejam casos cirúrgicos;
  •  - as cirurgias devem considerar pacientes que não necessitem de leito de UTI, salvo intercorrências;
  •  - as agendas de marcação devem ser organizadas a fim de evitar aglomerações;
  •  - acompanhantes devem ser admitidos apenas em casos que não possam prescindir do mesmo.

Também ficarão liberados, na totalidade, os exames de média e alta complexidade - ultrassonografias, ressonâncias e cintilografias. Os atendimentos a pacientes oncológicos, dentre eles as consultas e cirurgias necessárias ao tratamento, os atendimentos a pacientes do SAE – Serviço De Atendimento Especializado – HIV/AIDS, bem como os atendimentos de farmácia e a Profilaxia Pré-Exposição (PrEP) estão incluídos na retomada dos serviços.

"As liberações estão sendo feitas com muita responsabilidade e de comum acordo com todos os diretores da atenção hospitalar e Conselho Municipal de Saúde, para que não ocorra aumento no quadro da pandemia. Sabemos que existem pessoas que necessitam desses procedimentos eletivos, com casos que estão ficando cada vez mais graves e comprometendo a sua saúde e precisam do acesso ao serviço", explica a secretária.

No final deste mês, a SMS fará uma avaliação das consequências dessa abertura e analisará a possibilidade de ampliar o alcance de atendimentos em outubro.

Comparecimento

A secretária alerta que o paciente contatado pela Regulação da SMS para o agendamento deve evitar marcar o procedimento e não comparecer. "Se marcar, deverá estar presente. Ao contrário, outra pessoa deixará de ser atendida. As pessoas não precisam ter receio de perder seu lugar na fila, se optaram por realizar esse atendimento após a pandemia."

Evitar aglomeração

Segundo a secretária, as agendas de marcação de consultas e de exames de média e ou alta complexidade devem ser organizadas de forma a evitar aglomerações.

  "As pessoas deverão chegar no horário marcado, não antes, para evitar aglomerações nas recepções dos ambulatórios. Os pacientes só poderão ter acompanhantes em casos realmente necessários", frisa Paganini.

  

Leia as notícias oficiais, sobre o novo coronavírus e outros assuntos de interesse público, no hotsite e nas redes sociais da Prefeitura de Pelotas: Facebook, Instagram @prefeituradepelotas, Twitter @PrefPelotas e canal WhatsPel.

Tags

cirurgias, saúde, coronavirus, exames, aglomeração, consultas

Carregando 0%