ÚLTIMAS NOTÍCIAS > Coronavírus

Distanciamento Controlado: Pelotas volta à bandeira vermelha

À véspera de lockdown, Estado determina região com risco alto para coronavírus

Por Vitória Leitzke 07-08-2020 | 19:30:29

Pelotas retornou para a bandeira vermelha do Distanciamento Controlado do Governo do Estado nesta sexta-feira (7). Conforme a divulgação preliminar da 14ª semana do modelo, com vigência entre os dias 11 e 17 de agosto, a região Sul está com risco alto para o novo coronavírus após uma semana de bandeira laranja, através de recurso enviado pela Associação dos Municípios da Zona Sul (Azonasul). Se definida a bandeira na segunda-feira (10), medidas estarão em vigor após o lockdown, decretado pela Prefeitura, entre às 20h do sábado (8) e às 12h de terça-feira (11).

Segundo o governo estadual, a R21, a qual o município pertence, apresentou piora no indicador de “variação semanal do número de novas hospitalizações Covid”, que abrange dados específicos da região, totalizando dois destes em bandeira preta (o índice de “projeção de incidência de óbitos relativa à população” já estava em risco altíssimo desde a última rodada). Além desses, a Macrorregião Sul, que compreende a região de Pelotas e Bagé, apresentou piora em três indicadores: o de “variação no número de internados por SRAG em UTI”, o de “número de leitos livres para cada leito ocupado Covid” e o de “variação no número de leitos de UTI livres para atender Covid-19”. Após análise, a média final indicou risco alto para o município.

Reunião com a Azonasul

Uma reunião da associação com os prefeitos da região está marcada para segunda, onde será definida ações regionais para o combate ao coronavírus para a próxima semana. A prefeita Paula Mascarenhas aguarda a ocasião para definir o que será feito nos próximos dias em relação à pandemia.

“Não me surpreende [a bandeira vermelha], a situação é grave a tal ponto que nós estamos decretando lockdown. É compreensível, realmente há um agravamento dos casos na região, por isso, após o decreto de maior autonomia dos Municípios e associações de municípios, nós vamos decidir por maioria e coletivamente o que faremos com a região”, afirmou a prefeita.

12 regiões em bandeira vermelha

O mapa preliminar também apontou que, pela segunda semana consecutiva, 12 das 21 regiões estão em bandeira vermelha. Esta é a primeira rodada com a 21ª região, após desmembramento de Porto Alegre, a qual reúne 19 municípios das regiões Carbonífera e Costa Doce, recebendo o nome de Guaíba.

Arte: Governo do Estado

Junto de Pelotas, a nova região, Capão da Canoa, Palmeira das Missões, Erechim, Bagé e Uruguaiana ficaram em risco alto nesta rodada, com Novo Hamburgo, Porto Alegre, Canoas, Taquara e Passo Fundo, que já estavam desde a última semana. Apenas a região de Lajeado apresentou melhora nos indicadores e foi para bandeira laranja, junto a Santa Maria, Santo Ângelo, Cruz Alta, Ijuí, Santa Rosa, Caxias do Sul, Cachoeira do Sul e Santa Cruz do Sul.

O Estado receberá recursos até o domingo (9), 6h e divulgará a bandeira definitiva na segunda.

Leia as notícias oficiais, sobre o novo coronavírus e outros assuntos de interesse público, no hotsite e nas redes sociais da Prefeitura de Pelotas: Facebook, Instagram, Twitter e canal WhatsPel. 

Tags

bandeira vermelha, distanciamento controlado, governo do estado, risco alto, coronavírus

Carregando 0%