ÚLTIMAS NOTÍCIAS > Coronavírus

Prefeitura amplia vacinação contra Covid com mutirão

Ação ocorre neste fim de semana e será realizada em dois prédios do IFSul

Por Alessandra Senna 05-02-2021 | 15:47:26

Técnicos e auxiliares de enfermagem, enfermeiros, médicos, odontólogos e fisioterapeutas, com mais de 60 anos, têm um compromisso neste fim de semana em Pelotas: receber a primeira dose da vacina contra a Covid-19. O mutirão, realizado pela Prefeitura, ocorrerá em dois prédios do Instituto Federal Sul-Riograndense (IFSul) das 8h às 20h. 

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) destinou 2.240 doses do último lote recebido pela cidade para a imunização do profissionais de saúde estratificados a partir dos dois últimos grupos definidos como prioritários pelo governo do Estado. A secretária de Saúde, Roberta Paganini, explica que a priorização por profissão foi feita a partir de dados epidemiológicos tabulados pelo Observatório de Segurança Pública que apontam maior incidência de casos positivos entre os grupos que serão vacinados no mutirão. Já a faixa etária escolhida está relacionada pela vulnerabilidade à doença.

"Nós sabemos que esses profissionais estão na linha de frente, então estão expostos. O melhor caminho é a prevenção, para que possamos manter os serviços de saúde funcionando, dando assistência à população. Esperamos que mais rápido possível a gente possa receber mais doses para avançar para os outros grupos", salientou Paganini.

No sábado serão vacinados os técnicos e auxiliares de enfermagem e os enfermeiros, no domingo será a vez dos médicos, odontólogos e fisioterapeutas. Todos esses profissionais só serão imunizados se apresentarem a carteira do conselho da categoria, comprovante de residência e o cartão do SUS (preferencialmente).

Estrutura

Nos dois prédios do IFSul já está organizada estrutura para receber os grupos prioritários do mutirão, sendo que os locais estão sinalizados com indicações para facilitar o acesso. Cerca de 70 pessoas , entre trabalhadores da SMS e alunos e professores da UCPel e escolas técnicas de enfermagem atuarão no atendimento da população durante o fim de semana. O uso de máscara facial, assim como a manutenção do distanciamento, serão obrigatórios nos locais da vacinação.

Os prédios do IFSul onde ocorrerá a vacinação ficam na rua Gonçalves Chaves, 3.218, próximo ao Colégio Assis Brasil, e no Campus Pelotas, com entrada pela rua Jornalista Cândido de Mello, estacionamento do Instituto.

Prédios do IFsul sediarão o mutirão contra Covid-19 Fotos: Michel Corvelo

Profissionais doentes

A SMS esclarece que as pessoas que apresentarem sintomas gripais não devem comparecer aos locais de vacinação, já que não poderão ser imunizados, conforme a recomendação do Ministério da Saúde. Mas a vacina para essas pessoas estará garantida.

" Quando recebermos uma outra remessa, a gente vai avançar nos próximos grupos, mas os atuais permanecerão valendo. Um exemplo: se estivermos no terceiro grupo de outros profissionais e houver um enfermeiro, um médico, que não conseguiu tomar a vacina no mutirão, ele poderá se apresentar para receber a dose", garantiu Paganini.

Tags

saúde, coronavírus, Covid-19, enfermeiros, médicos, odontólogos, técnico de enfermagem, auxiliar de enfermagem, fisioterapeuta, vacina, mutirão, Pelotas, Prefeitura

Carregando 0%