ÚLTIMAS NOTÍCIAS > Gabinete da Prefeita

Prefeita avalia medidas em videoconferência sobre pandemia

Organizado pela Fundação Fernando Henrique Cardoso e Raps, evento foi nessa quinta (9), com o tema 'Liderança feminina em tempos de crise'

Por Vitória Leitzke 10-07-2020 | 14:04:46

Para promover a troca de experiências e de conhecimento, a Rede de Ação Política pela Sustentabilidade (Raps), junto à Fundação Fernando Henrique Cardoso (FFHC), organizou um webinar sobre "Liderança feminina em tempos de crise", especificamente durante a pandemia do novo coronavírus. A prefeita Paula Mascarenhas participou da videoconferência, que ocorreu na quinta-feira (9), e compartilhou as suas ações de combate à propagação do vírus em Pelotas, bem como a expectativa em relação ao cenário nacional.

Ênfase: 'maior desafio é a formação de equipes médicas para aumento do número de leitos' ─ Fotos: Rodrigo Chagas

A prefeita versou acerca da história do município e o papel da cidade na Zona Sul do Estado, contextualizando o impacto econômico devido à Covid-19, uma vez que a economia pelotense é fundamentada no comércio e em serviços grande parte paralisada para conter o avanço do vírus.

“No início da pandemia, em março, nós reagimos rapidamente; as universidades fecharam; nós fechamos as escolas e o comércio; não havia nenhum caso confirmado em Pelotas e nós já tivemos essa postura”, contou.

Seguindo a explanação na conferência virtual e on-line, a chefe do Executivo ressaltou que o município foi o último, com mais de 200 mil habitantes de todo o País, a registrar óbito.

“Aqui, começamos muito cedo a usar a máscara; o que hoje é um fenômeno pelo Brasil, em decreto municipal determinamos que, com a flexibilização das atividades comerciais, as pessoas deveriam utilizar a proteção para entrar nos estabelecimentos e nos transportes, bem como circular em vias públicas", relatou Paula Mascarenhas, ao abordar a importância das providências imediatas para a resistência da cidade ao avanço da pandemia.

Na avaliação da gestora, julho é um mês notável em relação ao crescimento do número de casos e ao aumento da quantidade de internações e óbitos na região de Pelotas.

“O governo do Estado, no último dia 3, nos colocou em bandeira vermelha; todos os municípios da região poderiam entrar com recurso e alguns poderiam até flexibilizar medidas, por não terem mortes ou hospitalizações, mas foram solidários e entenderam que este é um momento de cautela”, disse.

Equipes médicas

Para a prefeita, o seu maior desafio, atualmente, é a formação de equipes médicas a fim de que possa efetivar o acréscimo de leitos de internação para a doença. “Buscamos qualificar e preparar nossas equipes, através de notas técnicas, capacitações e protocolos, no entanto, hoje faltam profissionais com experiência para atuação na linha de frente”, explicou.

“Quem está na gestão municipal não tem como fugir desta missão, então estou encarando com a maior responsabilidade e buscando sempre os princípios do bom senso e do equilíbrio", argumentou, referindo-se às limitações na seara política.

Não é fácil, segundo Paula, "viver em um país polarizado, porque tudo entra neste contexto: as questões são discutidas apenas ideologicamente, e isso é surpreendente e estarrecedor".

Ao discorrer sobre as dificuldades, a prefeita de Pelotas mencionou, ainda, o fato de que um gestor sempre fica "neste meio" e, por isso, ela procura, constantemente, ouvir muito para acertar mais e errar menos, em um momento tão grave como o atual.

Também estiveram presentes a prefeita de São Bento do Una (PE), Débora Almeida (PSB); a mediadora Cássia Marques da Costa, gerente de Apoio à Ação Política da RAPS; e o comentarista da conferência, Sergio Fausto, cientista político e diretor da Fundação FHC.

Confira as fotos da reportagem no Flickr da Prefeitura.

Leia as notícias oficiais, sobre o novo coronavírus e outros assuntos de interesse público, no hotsite e nas redes sociais da Prefeitura de Pelotas: Facebook, Instagram, Twitter e canal WhatsPel.

Tags

raps, fernando henrique cardoso, coronavírus, sustentabilidade, covid, conferência virtual, webinar, videoconferência, liderança feminina, tempos de crise, pandemia, desafios e avanços, dificuldades, realizações

Carregando 0%