Aumentar fonte
Diminuir fonte
Imprimir notícia

Prefeitura anuncia restauração do prédio do Theatro Sete de Abril

A Prefeitura decidiu antecipar medidas já previstas no Plano Plurianual (PPA) 2010/2013 para o segundo semestre e anunciou hoje (15), por intermédio do secretário municipal de Cultura, Mogar Xavier, a interdição do prédio do Theatro Sete de Abril até o final das obras de restauração. “Por precaução e segurança, a partir do recebimento, neste fim de semana, de laudo técnico encomendado pela administração municipal, indicando a necessidade de intervenção na parte estrutural do prédio, estão suspensas as atividades programadas para o Theatro Sete de Abril”, salienta Xavier.

          A programação cultural e artística prevista para o Theatro será desenvolvida em palco móvel, por meio de parceria com instituições e escolas, no centro e nos bairros, explica o secretário. “As atividades então definidas para o Sete de Abril continuarão normalmente, pois estamos confirmando convênios com educandários e outras entidades que possam receber os espetáculos e outras atividades já programadas”, destaca.

          A última reforma do prédio do Sete de Abril foi realizada entre 2000 e 2001, com recursos provenientes da Lei de Incentivo à Cultura (LIC), quando foram realizadas recuperação do telhado, reboco e camarins, entre outras obras. O projeto de restauração interna do prédio, elaborado em 2004 e, na época, aprovado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), integrava as ações do Programa Monumenta em Pelotas, embora não contemplasse a recuperação estrutural do telhado e da rede elétrica. Em função de discussões judiciais entre os licitantes da obra, as ações não foram realizadas.

       “Agora, há a expectativa de o Theatro Sete de Abril ser um dos prédios contemplados, de imediato, no PAC das Cidades Históricas, com a captação de recursos suficientes à sua total restauração, se somando à recuperação do Mercado Público, Grande Hotel, Casarão nº 6, e a caixa d´água da Praça Piratinino de Almeida, cujas obras estão em curso”, antecipa o secretário de Cultura.
         
HISTÓRIA

          O Sete de Abril foi o primeiro teatro construído no Rio Grande do Sul e é um dos mais antigos em funcionamento no Brasil. O começo da construção data do ano de 1831 e a conclusão da obra ocorreu em 1834. Desde então o Theatro passou por diversas reformas. Em 1972, em função de sua história e importância no contexto arquitetônico e cultural do País, o prédio foi tombado pelo Iphan e municipalizado em 1979.


Data: 15/03/2010
Hora: 14:21
Redator: Luiz Carlos Freitas
Fotógrafo: Jorge Gonçalves